A V I S O S
[ 31.10.18] Vou continuar postando no blog normalmente para ajudar os jogadores que ficaram e os novatos com certos assuntos.

07/01/2016

Tradução do Episódio 4


Tradução do Episódio 4

O teste

Eventos especiais vão empurrar Miiko e os outros membros da guarda a questionar sua natureza humana. Ajude o guarda Eel para provar que você é realmente humano, e finalmente ir para casa!

Em azul as narrações, em laranja os diálogos, em roxo as respostas e em cinza comentários meus.

Depois de Mery ter me dado um pedaço de cristal, eu cruzei com Nevra, Valkyon e Ezarel no caminho. Juntos, nós fomos para a Sala de cristal para se juntar a Miiko
(Continuação)

 Eu tinha borboletas no estômago
(Continuação)

Miiko: Mais uma vez ela? O que é desta vez?
Uh...

Miiko: Você ainda perdeu sua lingua?
(Eu não consigo alinhar duas palavras...) Eu...

Miiko: Você?
...

(Oh droga!!) Eu encontrei algo...

(Eu joguei um olhar para os meninos esperando que eles agissem. Mas nada mudou.)

Miiko: ...
Achei isso.(Mostrei o cristal a Miiko.)

Miiko: O que...
(Continuação)

Miiko:Oh...
(Ela se virou para Jamon e começou a conversar com ele em uma língua que eu não entendia.)

(Então, ela me encarou novamente.)

Miiko: Como é que você descobriu onde estava este pedaço de cristal?
Eu o encontrei...

Miiko: Realmente? Onde encontrou?
Oh, bem...

Miiko: Mesmo você não sabe onde o encontrou, certo?
Na verdade, eu realmente não o encontrei...

Miiko: Na verdade você não encontrou?
(Parece que ela esta perdendo a paciência...)

Este foi Mery que me deu... Ele me fez prometer que não ia te dizer. Ele pensou que eu encontrando-o seria menos... ‘’Estranho’’.

(Ouvi Nevra e Ezarel deixar uma risadinha atrás de mim.)

Miiko: Você sabe onde encontrá-lo?
Não, ele não me disse... Eu não perguntei também. Eu não acho que foi... É importante?

Miiko: Humph.... Eu vejo...
(Continuação)

Ezarel: Não é como se, desde o início eu dissesse que não surgiria nada de bom...
(Continuação.)

Miiko: Oh ok Ezarel, não jogue o pó misterioso em chamas! 
(Continuação.)

Miiko: Jamon, meninos...Sigam-me, precisamos discutir o seu caso.
-Meu? Como assim discutir o meu caso?-

-(Todos saíram da sala, me ignorando completamente...)-

-Bom...(encontrei-me sozinha, como uma idiota.)-

-(Não vai ficar assim! É melhor eu ir ver o que dizem sobre mim.)-

Recuso-me que fique aqui!
 Isso é o suficiente, você vai assumir suas responsabilidades um pouco. Você insistiu que continue a ser, por isso vai ficar!
(O burburinho parecia vir da dispensa. Abri a porta e eu tinha um olhar...)

(...Para ver os meninos, Miiko e Jamon discutirem.)

Ezarel: Nós? Nós estressados? Você está brincando? É, antes, Kero!
(Continuação)

Jamon: Grrrrr...
(Continuação)

Ezarel: Eu não quero ela na Guarda Eel, é simples assim
(Continuação)

Miiko: E eu não tenho que obedecer as suas ordens, Ezarel!
(Continuação)

Valkyon: Antes de nos perguntar se ela vai ficar, a questão é: é útil?
(Continuação)

Ezarel: Eu não acho. É um ser humano, como poderia ser?
(...)

Nevra: Não é errado, não tem um ar engenhoso.
(Continuação)

Valkyon: Não parece muito forte também. Eu não posso imaginá-la segurando uma lança ou uma espada em suas mãos.
(Continuação)

Nevra: Em última análise, pode permanecer na despensa pra mim.
(Continuação)

Miiko: Você realmente é o único que acha isso, Nevra!
(Continuação)

Nevra: Mas pelo menos ela iria servir para alguma coisa.
(Continuação)

Valkyon: Dada a sua dimensão, iria durar alguns dias.
(Continuação)

Miiko: De qualquer forma, agora é discutir que vai tornar-se inútil em uma das guardas.
(Continuação)

Ezarel: Esta não seria a primeira vez em que gostaríamos de enviar um membro da guarda.
(Continuação)

Miiko: Tivemos toda boa vontade e tempo!
(Continuação)

Ezarel: Nós temos um aqui também!
(Continuação)

Miiko: Realmente? E por que?
(Continuação)

Ezarel: É fraca, inútil, estúpida e provavelmente não sabe nada sobre este mundo. Chega, eu ou você vai sair?
(Ezarel parece realmente ter um rancor contra mim! Eu estava prestes a me movimentar para intervir quando alguém me parou.)

Leiftan: Não é muito educado espionar.
(...)

Leiftan: Ao mesmo tempo eu te entendo, visto o barulho que eles fazem.
(Leiftan abaixou meu braço... Eu estava com punho cerrado, estava tão irritada com o que Ezarel tinha dito sobre mim.)

Leiftan: Ezarel não é um bad boy, mas as vezes ele pode ser muito extremo. Não preste atenção ao que ele diz. Em todos os casos, não é ele que tem a última palavra por aqui...
Sim...Felizmente havia Miiko, eventualmente.

Leiftan: Haha, eu vejo que você sabe quem é o líder aqui!
(Os outros saíram da copa, que pareciam surpresos ao me ver aqui.)

Ezarel: Você ainda estava nos espionando?
Não, mas você estava falando tão alto que não foi tão difícil poder ouvi-lo....Corrigindo... Que você.(ele me lançou um olhar.)

(Miiko virou-se para Leiftan antes de ficar de frente para mim)

Miiko: Como eu acho que você ouviu tudo o que eu tinha dito aqui. Esta menina tornou-se da sua responsabilidade, você declarou que permaneceria com ela, e contra o meu conselho. Assim assuma o seu pedido.
(Continuação)

Nevra: Assumimos, mas não quero que ela fique para sempre.
Eu não quero ser qualquer um.

Valkyon: Todos concordam então?
Sim (finalmente alguma esperança!)

Miiko: Ok. Vamos colocar o pedaço de cristal em seu devido lugar... Vai me dá-lo?
(Eu finalmente entreguei o cristal a Miiko)

Acompanhamos Miiko até lá.
(Continuação.)

Chegamos em frente ao pedestal, e aproximamos o pedaço ao grande cristal. As duas pedras começaram a brilhar um brilho magnífico... Quase hipnotizante.
(Continuação.)

Aconteceu algo incrível. O pedaço de pedra que Mery me dera se fundiu com o cristal. Percebi naquele momento que as duas pedras eram agora uma só.
(Continuação)

Foi quando uma mulher de aparência fantasmagórica apareceu diante de mim.
(Continuação)

(Ela abriu os olhos. Fiquei deslumbrada com sua beleza.)

(Ela moveu lentamente o braço e apontou para mim.)

(Em seguida, ela sussurrou alguma coisa, mas eu não fui capaz de ouvir o que disse.)

Espírito do Grande Cristal: ...
(Ela desapareceu um instante depois.)

Ezarel: O que?
(Continuação)

Miiko: ...
(Continuação.)

Ezarel: Mas como isso é possível? O cristal... Ela...
(Ela?)

(Eu me virei para todos, eles ficaram chocados.)

Espere, o que foi aquilo?

Todos: !!!
(Eles olharam para mim.)

Miiko: Esta “coisa” como você disse, este é o Espírito do Grande Cristal.
Ah? ...

Valkyon: Ela não apareceu desde que o cristal foi quebrado.
Mas eu não entendo, como essa mulher pode ser o cristal?

Miiko: Isto não é realmente o cristal mas a sua alma... Assim podemos vê-la quando se materializou diante de nós.
Uh, esta “materialização”, acontece muitas vezes?

Nevra: Realmente não. É ainda bastante rara.
Rara como?

Nevra: Antes de acontecimentos importantes como, desastres naturais, o nascimento de uma criança real, uma ruptura no maana... ou.... a chegada de um pequeno ser humano ao que parece.
Então, é uma espécie de Ms.Destino(ou Irma)

Ezarel: Sra. O que?
Uma vidente! (gente essa guardiã é muito brisada ahsuahs)

Miiko: Podemos dizer que... Estamos conversando com “O Oráculo”.
(Continuação.)

Eu me perguntava por que esse espírito... Este "Oraculo" apareceu diante de mim. Eu era uma simples humana, eu não tinha qualquer importância neste mundo. No entanto, era como se Ela tivesse me... Designado.
(Continuação.)

Sinceramente, eu estava esperando que ela estivesse equivocada. Eu não tinha vontade de ficar aqui, especialmente depois do que foi dito sobre mim.
(Continuação.)

Ezarel: Porque ela apareceu na sua frente? Não há nenhuma razão para isso!
 (Pela primeira vez, eu concordo com Ezarel!)

Leiftan: A menos que....
A não ser o que?

Miiko: Não foi ao acaso. A aparição da Oráculo, ou o fato de que você apareceu justamente aqui da primeira vez...
Hmmm, e oque quer dizer?

Ezarel: Nada, perderíamos tempo para explicar. Isso não é algo “humano.”
(Continuação.)

Valkyon: Precisamente, ela pode não ser um “humano”
(Continuação.)

Miiko: Como assim?
(Continuação)

Valkyon: Como você explica que o espírito do cristal veio até ela? Ele não aparece sem motivo.
(Continuação.)

Miiko: Hmm... Você não pensa errado. Não esta errado mesmo em tudo. E se fosse possível que ela...
-(Miiko me deu um olhar, me fitando da cabeça aos pés. Eu não tenho certeza se entendi tudo.)-

Ezarel: Ela o que?
(Continuação.)

Miiko: Ela tem sangue de fadas
(Continuação.)

Ezarel: Haha, boa piada Miiko
-Haha muito engraçada, sim!-

Miiko: Estou falando serio... Ezarel deve fazê-la fazer o teste
(Continuação.)

Ezarel: Você realmente quer gastar seu tempo desnecessariamente por “ela”?
(Continuação)-

Miiko: Não discuta e deixe-a fazer este teste!
(Miiko interrompeu, encurtando a conversa. Jamon e os outros rapazes seguiram o mesmo exemplo.)

(Apenas Ezarel ficou.)

Se este teste for negativo. Eu poderei ir pra casa?

Ezarel: Sim... É por isso que é um desperdício de tempo que você fará. Não há nenhuma chance de que você é do país das fadas.
Pela primeira vez, estamos de acordo.

(Ezarel me amaldiçoou por um tempo antes de me abandonar.)

Depois do que eles disseram sobre mim, eu estava determinada a ir para casa. E, para isso, eu tive que provar para eles que eu era muito humana! Então eu decidi ajudar Ezarel na preparação do teste.
(Continuação.)

Eu me encontrava em um quarto com uma mesa central sob a qual se tinha muitos frascos. Os livros estavam aos montes em armários e algumas misturas fulminavam  nos bunzens de platina.
(Continuação.)

Ezarel já estava imerso em um papel antigo.
(Continuação.)

(Observar Ezarel em silencio.)
(Perguntar-lhe se precisa de ajuda)
(Inclinar-se sobre o ombro de Ezarel.)

*Se escolheu "Observar Ezarel em silencio"*

Eu me coloquei em um canto e preferi olhar o que Ezarel fazia. Ele parecia surpreendentemente concentrado. Ele acabou vindo para mim.
(Continuação.)

Ezarel: Estou surpreso que você não tenha vindo se pendurar nas minhas pernas.
-Eu não gosto que me incomodem enquanto trabalho...-

Ezarel: ... Você fez bem, é o mesmo para mim. Aqui tome isso.
-(Ele me entregou um papel que era uma lista de ingredientes.)-

-Uh... Ok mas onde eu vou conseguir tudo isso?-

Ezarel:Alguns dos produtos são fáceis de se encontrar nas lojas. Para outros, você terá que procurar por si só para encontrá-los.
Ok, obrigada

*Se escolheu "Perguntar-lhe se precisa de ajuda"*

Embora Ezarel não parecia apreciar-me, eu estava determinada a deixar este mundo. Então eu perguntei-lhe se ele não precisava de uma mão, só para fazer as coisas acontecerem.
(Continuação)

Ezarel: Hum... Eu não sei se você pode ser de alguma utilidade
(Vamos manter a calma...) Há de fato algo que eu não sei?

Ezarel: Vamos ver...
(Ele rabiscou em um papel antes de me entregar)

Ezarel: Aqui esta uma lista dos ingredientes que eu preciso. Os escrevi em uma língua que você consiga entender.
(Ezarel mostrou bondade?)

Ezarel: Eu realmente não quero que você venha me incomodar o tempo todo porque você não entende uma palavra em particular.
(Ok... Eu falei cedo de mais.) Obrigada.

 *Se escolheu "Inclinar-se sobre o ombro de Ezarel."*

Como ele parecia perdido em seu livro, olhei por cima do ombro para dar uma olhada. Ele foi escrito em um dialeto que eu não entendia.
(Continuação)

Ezarel: Eu te incomodo?
De modo algum, por que?

Ezarel: Porque você sim.
Eu só queria ver...

Ezarel: Se você deseja tornar-se útil, vai procurar para mim em vez de arrastar os pés.
(Eu resmunguei, tendo o papel que ele me entregou. Acima, ele anotou uma lista de ingredientes na minha língua.)

(Eu sai sem olhar para trás.) Cretino!

*Continua aqui independente das escolhas*

(Ok, aqui esta a lista de coisas que eu preciso recuperar: ... Água purificada, Seiva de Cipestre Dourado, Rocha Escarlate e Fruto Selenito.)

*Se você encontrar Nevra*

Nevra, você caiu bem.

Nevra: Eu sempre caio bem
...(O que?)-

Uh... Ezarel me pediu para trazê-lo os ingredientes para passar no teste do país das fadas.

E eu realmente não sei o que é... Um “fruto selenito”.

Nevra: Bom, isso é uma fruta, não?
Você poderia me ajudar a encontrá-lo?
Você sabe onde eu posso encontrá-lo?
 Eu não sei o que é.

*Se você escolheu "Você poderia me ajudar a encontrá-lo?"*

Nevra: O que você me da em troca?
Eu não sei, mas... Eu só quero que você me ajude...

Nevra: Ahhh... Não tem recompensa? Nem mesmo um beijo de agradecimento? Não me interessa então. Desculpe.
(Uh... Ele está falando sério?)

*Se você escolheu "Você sabe onde eu posso encontrá-lo?"*

Nevra: Ezarel não lhe disse que estava na ala de fornecedores colocados no mercado?
Não, não em todos

Nevra: Agora você sabe.
Obrigada.

(Eu estava em um dos stands detidos por um gato e eu tentei comprar um fruto selenito.)

(Infelizmente, ele disse que nem ele nem qualquer outro suporte pode me vender....)

Purreko: Bom minha pequena. Parece que você esta em um dilema engraçado tsss... 
Uh... Sim.

Purreko: Então, me parece que você procura um fruto selenito.
Como você sabe?

Purreko: Eu tenho muitos contatos na comunidade. Se você quiser, podemos trocar um nepeta de mascar pelo fruto.
De que?

Purreko : De nepeta mascar! Oh é mesmo, você não é daqui.
Co...

Purreko: Como eu sei? Eu te disse, eu tenho meus contatos.
Ok.(Eu estou um pouco atordoada... Lá.)

Purreko: Hum, então, ele vai te custar 350 Maanas, e novamente, eu fiz-lhe um preço.
350 Maana! É impagável!!

Purreko: Este é um negócio, você sabe.
100 Maana, e nenhum centavo a mais.

Purreko: Eu posso abaixar para 300.
Não... 150

Purreko: Bem, então pra você é 250.
(Eu não sei se eu não deveria tentar mais...) 200 e eu não vou ceder!
(Eu acho que posso negociar um pouco mais...) 150 Maanas, permaneço nesse preço.

"Se você escolheu *(Eu não sei se eu não deveria tentar mais...) 200 e eu não vou ceder!*"

Purreko: Hum... 200 é um bom preço. Vamos, vendido!
(Eu comprei um fruto selenito por 200 Maanas, estou feliz por ter sido capaz de negociar.)

"Se você escolheu *(Eu acho que posso negociar um pouco mais...) 150 Maanas, permaneço nesse preço.*"

Purreko: Você não acha que esta exagerando?
Eu não sou Creso! Eu vou descer para 100 Maanas.

Purreko: Creso, eu não sei de que tipo, mas... Você ainda tem muita coragem para negociar com um pequeno purreko.
Você tem que aceitar minha oferta anterior.(Eu tenho a sensação de que vai vender.)

Purreko: Eu aceito.
Sem problemas. (Ufa, consegui negociar!)

"Se você escolheu * Eu não sei o que é.*"

Nevra: E tu dirias que talvez eu poderia ajudar?
Sim... Seu olhar é bastante desagradável.

Nevra: Eu só posso ser bom para uma dama em perigo não é verdade?
Um...Obrigada?

Nevra: Vamos lá, eu vou te ajudá-la a encontrar a famosa fruta.
(Eu segui Nevra para o mercado local.)

Encontramos no mercado?

Nevra: Onde você encontrou isso?
Eu não sei... Eu não o encontrei novamente.

Nevra: Isso não é verdade.
(Acho que a pior parte desta história é que ele comprou o fruto de um gato falante!)

Rocha Escarlate – Valkyon

Valkyon: [Seu Nick]
Oh, é você.

Valkyon: ...
E aí?

Valkyon: Oh nada.
...

Valkyon: ...
Mm... Diga, Ezarel me pediu para encontrar os ingredientes do famoso teste. Eu não sei onde encontrar tudo.

Valkyon: Ah. Deixe-me ver a sua lista.
(Entreguei a lista a Valkyon.)

Valkyon: Ah, é uma rocha escarlate!
Você sabe onde eu posso encontrar?
Sim, deve ser uma pedra vermelha não?
O que é isso?

"Se você escolheu *Você sabe onde eu posso encontrar?*"

Valkyon: Ele não lhe disse?
Realmente não. Ao mesmo tempo, é o Ezarel.

Valkyon: E...?
Nós não podemos dizer que ele fez um grande esforço no meu caso.

Valkyon: ... Talvez ele queira ver se você consegue obter por si mesma?
(Valkyon me deixou sem deixar mais informações)

(E onde eu encontro essa “rocha escarlate”?)

*Quando você encontra a rocha escarlate*

(Eu acho que é uma rocha escarlate.)

"Se você escolheu *Sim, deve ser uma pedra vermelha não?*"

Valkyon: ...
O que?

Valkyon: Estou surpreso que você saiba o que é.
Oh, eu não sei, mas por inferência, eu pensei que tinha que olhar dessa maneira.

Valkyon: E você sabe onde encontrar?
De modo algum!

Valkyon: Eu vejo...
(Valkyon se ofereceu para me levar onde esta a rocha escarlate, eu o segui.)

Ah sim, a decoração vista aqui, era lógico.

Valkyon: Você tem que saber como é fácil as vezes.
Obrigada pela ajuda!

"Se você escolheu *O que é isso?*"

Valkyon: É uma pedra vermelha lisa, bastante comum.
Ah! Parece fácil de reconhecer.

Valkyon: Sim, e você pode encontrá-la na forja.
Obrigada, eu vou indo!

*Quando você encontra a rocha escarlate*

(Eu acho que é uma rocha escarlate.)

Água Purificada – Mercado

(Isso é bom! Eu tenho a água purificada!)

(Bem, eu tenho quase tudo...)

Seiva de Ciprestre Dourado – Fora do Q.G

Kero: Então [SeuNick], você começa a se acostumar com a custódia de Eel?
Ah, sim, obrigada.

Kero: Você tem certeza?
Sim, porque?

Kero: Os membros da guarda vieram me dizer que você estava com raiva de Ezarel...
Ah...Ele realmente não gritou...

Kero: ...
É um pouco complicado. Eu fiquei surpresa, Miiko e os outros discutindo sobre mim. Ezarel... Ele... Ele continuou dizendo que eu era estúpida, que eu era inútil...

Kero: Oh...
Mas então houve essa aparição do cristal, então eu não poderia responsabilizá-lo e eles decidiram que eu deveria fazer um teste e lá eu...

Kero: O que?! O Cristal?!
Sim, o cristal, do grande salão.

Kero: Quer dizer que ela apareceu?
(Eu vejo que Kero também esta em estado de choque.)

Kero: Em nome de um Black Dog! 
(Continuação)

Kero: Uh... Desculpe, e vou morrer... Eu tenho que ir falar com Miiko. Você me da licença?
Uh... Sim, ok, não se preocupe.

Oh, Kero! Espere...

Kero: Sim?
Você sabe onde eu posso encontrar a “seiva de cipestre dourado”?

Kero: Oh, é fácil de encontrar no Glade em Cipress...
(Continuação.)

Kero: Eu teria acompanhado você, mas com a falta de meninas,
eu estou um pouco sobrecarregado.
Meninas? Que meninas? 

(Ele entrou como uma flecha e sem me responder.)

(“The Cleraring of Cipress” é certamente fora do Q.G certo?)

*Saia do Q.G - Floresta - Clearing Cipress*

(Bem, isso é provavelmente a famosa Clareira de Cipress.)

BAM!!!
(Que barulho é esse?)

(Isto veio da esquerda, eu tenho que ver...)

(Não há ninguém...)

(Puxa, outro círculo de cogumelos!)

Mesmo que os meninos me disseram que eu era incapaz de ir para casa, eu decidi tentar a minha sorte, apesar de tudo. Eu esperava sinceramente em meu coração que eles mentiram para mim.
(Continuação.)

Então acabei fazendo várias tentativas de pular dentro e fora do círculo. Ele não pareceu funcionar, e embora eu deva ter parecido uma idiota, eu continuei implacavelmente.
(Continuação.)

Ykhar: Realmente, da próxima vez... Tomamos mais notas!
Oh, há pessoas... 

Alajéa: Sim, bem diga-o que tivemos que tomar um ar, é bom! Talvez não tenhamos achado nenhum fruto, mas foi divertido!
Ykhar: Na verdade... Nós ainda perdemos um tempo considerável.
(Eu estava congelada no meu lugar, esperando que não me vissem.)

Alajéa: Não me faça acreditar que você não teve um tempo bom fora?
Ykhar: Sim, não é isso, mas....
(Continuação.)

Alajéa: Ykhar...
Ykhar: ...
(A mulher nova com escamas lançou um olhar significativo para a que tinha orelhas de coelho.)

Ykhar: Bom... Sim, é verdade eu me diverti.
(Continuação)

Alajéa: Entendo! Você deve sair mais então.
(Continuação.)

Ykhar: Bom... Sim, é verdade eu me diverti.
-(Continuação)-

Alajéa: Entendo! Você deve sair mais então.
-(Continuação.)-

Ykhar: ...
-(O olhar da coelho pousou em mim.)-

Ykhar: Alajéa....
-(Continuação)-

Alajéa: Sim?
Ykhar: Quem é?
-(Continuação)-

Alajéa: Uh... Boa pergunta.
-(Merda...)Hey...Uh...Eu...-

Ykhar: O que você está fazendo aqui? E qual é a dessas roupas estranhas?
-(Oh não, lá vamos nós de novo...)Eu sou [SeuNick], é que eu vim aqui há pouco tempo e...-

Alajéa: Nós nunca te vimos por aqui... O que você está fazendo aqui?
-Eu tenho que procurar uma seiva cy...-

Ykhar: Diabos! É um humano!
-(Continuação.)-

Alajéa: Realmente?
Ykhar: Sim, olha, ela está no circulo de cogumelos. Ela provavelmente só chegou agora!
-Mas não, de modo nenhum. Eu...-

Ykhar: Devemos levá-la para Miiko imediatamente!
-Eu vi Miiko!-

Alajéa: Então vamos realmente incomodá-la por isso?
Ykhar: Este é o procedimento padrão se encontrarmos um ser humano por ai...
Mas eu já a vi e...-

Alajéa: Bom, se você diz isso.
-(...Elas totalmente não se importam com o que eu digo...)-

E agora o passeio que eu tive na minha
  chegada aconteceu novamente. Tive a impressão de ser amaldiçoada.
-(Continuar.)-

Resignei-me a segui-los para desfazer este mal-entendido o mais rápido possível...
-(Fechar a caixa de diálogo.)-

Alajéa: Ykhar. Você esta certa sobre isso? É realmente um ser humano?
Ykhar: Sim, não há dúvida sobre isso. Você não sente isso?
-(Continuação.)-

Alajéa: Não, não realmente.
-(Alajéa virou para mim e me olhou com os olhos arregalados antes de me dar uma piscadela.)-

Alajéa: Eu acho que ela tem uma boa cabeça de qualquer maneira. Ela tem um olhar muito agradável.
Ykhar: Hummfr...
-(Continuação.)-

Alajéa: Você está sempre tão desconfiada!
Ykhar: Eu não sou desconfiada!!! Eu só não tenho nenhuma confiança, não é a mesma coisa.
-(Continuação.)-

Alajéa: Cuidado e não confiar, é similar.
Ykhar: Não, não tem nada a ver!
-(Continuação)-

Alajéa: Digo-lhe que é o mesmo.
Ykhar: E eu lhe digo que não!
-(Continuação.)-

Alajéa: YKHAR!
Ykhar: ALAJÉA!
A-      (Intervir)
B-      (Não intervir.)

Se você escolheu a opção A =

-Uh... Meninas?-

Meninas: O QUE?
-Se vocês pararem de discutir e fossemos rapidamente ver Miiko, e ter a confirmação de que ela já esta ciente da minha presença aqui?-

Ykhar: Sim, vamos fazer isso!
-(Ela olhou aborrecida.)-

Se você escolheu a opção B =

Meninas: ....
-(Continuação)-

Ykhar: Vamos, vamos. Temos de ver Miiko
-Você sabe, eu sou realmente um ser humano. E ela já me viu.-

Alajéa: Desculpe, nós preferimos buscar por nós mesmas. E então isso vai tranquilizar Ykhar.
-Tranquilizar?-

Alajéa: Só siga o procedimento
-(Continuação.)-

Continua daqui independente das escolhas

-(Continuamos a caminhar para dentro do Q.G)-

-(Nossa. Finalmente essa história acabará!)-
*Vá pra sala do cristal.*

Miiko: Meninas? Mas... Mas o que vocês voltaram tão cedo?
-(Continuação.)-

Alajéa: Bem, na verdade, não pudemos trazer muito...
-(Continuação.)-

Miiko: Nada puderam trazer?
-(Continuação)-

Ykhar: Poderíamos, que parece... Esqueci de anotar o que levar...
-(Continuação)-

Miiko: ...
-(Continuação)-

Ykhar: Miiko... 
-(Continuação)-

Alajéa: Nós dissemos que todos nós iríamos nos lembrar...
-(Continuação.)-

Miiko: Você não tomou nada.
-(Continuação)-

Alajéa: Não é realmente. Olha, nós lhe trouxemos uma flor!
-(Ela estendeu uma pétala de flor que cada uma continha uma cor diferente. Parecia um céu florido de arco-íris. É lindo.)-

Miiko: Você está falando serio? E o que você fez durante este tempo, então?
-(Continuação)-

Ykhar: Você sabe, há muitos familiares na floresta. Eles eram tão bonitos, por isso, tentamos um pet e...
-(Continuação)-

Miiko: Eu vejo...
-(Miiko parecia irritada ao falar com as duas jovens.)-

Ykhar: Eu não me sinto muito bem...
-(As meninas pareciam desesperadas.)-

Miiko: Finalmente, vamos. O que fazem com [SeuNick] ?
-(Continuação)-

Ykhar: Então você já a viu?
-Isto é o que eu estou tentando dizer desde o início!-

Ykhar: Nós cruzamos com ela, ela estava no meio de um circulo de cogumelos... Eu achei... Eu...
-(Continuação)-

Alajéa: Nós pensamos que a melhor coisa a fazer era traze-la para você.
-(Eu assisti a coelha, ela parecia prestes a virar os olhos.)-

Miiko: Ykhar... Parece estressada. Vá e descanse.
-(Continuação)-

Ykhar: Não, vou... Eu vou trabalhar um pouco.
-(A jovem saiu da sala.)-

A-      Diga, é sempre assim?
B-      Porque isso a estressa?
C-      ...

Se você escolheu a opção A =

Alajéa: Como assim?
-Ah... Estressada.-

Alajéa: É sua característica. É entrar em pânico por nada, isso é tudo.
-(Miiko me lançou um olhar.)Ok, eu vou voltar para os meus afazeres.-

Miiko: Você fará bem, sim. Alajéa, fique aqui por enquanto, eu tenho que falar com você.
-(Continuação.)-

Se você escolheu a opção B =

Alajéa: Porque é Ykhar.
- Mas, mesmo neste momento... –

Alajéa: Haha não se preocupe, nós fizemo-lo rápido.
-Espero...-

Miiko: [SeuNick], você pode nos deixar?
-A-Ah... sim, eu acho que você precisa falar...-

Se você escolheu a opção C =

Miiko: E aí?
-Oh, nada...-

Miiko: Ok, então se você permite deixar-nos...
-Oh sim, claro.(Bem, eu espero que essa história tenha acabado.)-

Continua daqui independente das escolhas.

-(Eu parti em direção da floresta.)-

-(Vamos procurar essa seiva caramba!)-

{Eu finalmente voltei- me à procura de um pouco seiva. Quando de repente ouvi um barulho à minha direita.}
-(Outro barulho?!)-

{Eu havia chegando na frente de uma árvore enorme.
Apesar do barulho que ouvi, eu não estava assustada com a idéia de cruzar com uma criatura selvagem ... Ou, pelo menos, ainda não.}
-(Continuação)-

{Algo se moveu em um arbusto perto de um canal pitoresco. Eu estava menos tranquilizada por essa situação...}
A-      (Perguntar se há alguém.)
B-      (Vá ver o que está se movendo no mato.)

Se você escolheu a opção A = Imagem

-Quem está aí?-

-(Os ruídos no arbusto se intensificaram.)-

-P-Puxa... Eu estou armada! E não vou hesitar em me defender.-

{Fiquei extremamente surpresa quando o homem que tinha me tirado de minha gaiola, saiu do mato.}
???: Sshh...
-(Ele apontou o dedo para o oco da árvore atrás dele, me fez novamente “shh” colocando um dedo em sua boca e, em seguida, ele desapareceu.) –

Se você escolheu a opção B =

{Um homem saiu de detrás do arbusto. Era o mesmo homem que me ajudou a escapar quando eu cheguei aqui}
-(Continuaçao.)-


{Em seguida, ele apontou o dedo para o oco de uma árvore antes de desaparecer.}
-(Continuação)-

Continua daqui independente das escolhas

-(Então me inclinei para a árvore e estendi a mão para pegar o que estava nele.)-

-(Quando saí, eu estava segurando uma pequena rocha azul nas mãos.)-

-Outra peça do cristal...-

{Eu não sabia o que pensar de tudo o que aconteceu comigo. Este homem que eu já havia encontrado não parecia muito apreciado pelos membros da Eel Guarda. Eu realmente não entendo o que eles tinham de conflito, mas sobre ele era ele que estava, ele estava tentando me ajudar... Mas por quê?}
-(É melhor eu manter esse encontro em segredo. Eu tenho medo do que os outros possam pensar...)-


-(Eu vou dar-lhes o cristal uma vez que o teste é feito, um pouco antes de voltar para casa.)-

-(Mas para isso, eu tenho que pegar a seiva de cipestre dourado!)-

-(Ah, essa é a seiva!)-

-(Eu vou ser capaz de levar tudo para Ezarel.)-

-(Ezarel ainda está lendo...)-

-Eu tenho tudo.-

Ezarel: Uh... Não, eu perdi um Olho Changeling.
-Um olho? Mas... erk.-

Ezarel: Oh, vamos lá... Ele dá um gosto muito bom para a poção.
-Porque depois eu vou beber essa mistura?-

Ezarel: Porque nao?
-...-

Ezarel: Hehe
-Não é engraçado. E onde eu acho esse “olho”?-

Ezarel: Acho que Kero deve ter um deixado em uma das gavetas da biblioteca.
-Ok, eu vou, mas da próxima vez, diga-me TODOS os ingredientes.-

Ezarel: Sim, sim, eu vou pensar...
-(Fechar caixa de diálogo.)-

Olho de Changeling

-(Eu fui para a biblioteca. Depois de pesquisar em todas as gavetas, eu não encontrei nada que parecia nem de longe e nem de perto com um olho.)-

-(Eu decidi voltar a Ezarel. Talvez Kero tenha se mudado?)-

-Ezarel... Me desculpe, mas eu não encontrei coisa alguma ao olhar nas gavetas da biblioteca.-

Ezarel: Realmente?
-Sim!-

Ezarel: Você procurou em todos os lugares?
-Absolutamente! Eu até fiz uma grande bagunça nos documentos de Kero... Eu devo ir pedir desculpas.-

Ezarel: ...
-Você não diz nada?-

Ezarel: HAHAHA!
-Ezarel? Não me diga que... ?!-

Ezarel: HAHAHA!
A- Pare de rir de mim! Eu estou cansada!
B- Como eu não poderia acreditar?
C- ...

Se você escolheu a opção A = -5

Ezarel: A pequena humana pode... Como é, estar triste.
-Eu não posso, é apenas você...-

Ezarel: Apenas?
-Eu prefiro não dizer nada.-

Se você escolheu a opção B =

Ezarel: Gostaria de saber também.
-Você realmente ri por nada...-

Ezarel: Admita que foi engraçado!
-Pesquisar a biblioteca para nada?Não é realmente...-

Se você escolheu a opção C =

Ezarel: Tsk... Você realmente se aborrece por nada.
-Eu realmente não estou chateada, eu estou... Surpresa-

Ezarel: Surpresa?
-Sim, por ver que esta “brincadeira” te fez rir muito.-

Continua aqui independente das respostas

Ezarel: Tsk...
-(Olhei Ezarel sem palavras.)-

Ezarel: O que?
-Nada...(É verdade que, em retrospecto, foi um jogo justo.)-

Ezarel: Por outro lado, você vai ter que me desculpar, mas eu não terminei de preparar o seu teste.
-Eu achei que você não me quisesse nos seus pés?-

Ezarel: Exatamente!
-Ok, eu entendi... Vou voltar mais tarde.-

-(Eu sai da sala)-

Nevra = Corredor

Nevra: Humano ou não?
-O que?-

Nevra: O teste. Ele revelou o que?
-Ah, ele ainda não está pronto... Ezarel me pediu para esperar um pouco.-

Nevra: Surpreendentemente, gostaria francamente que você fosse do país das fadas.
-Oh, por que?-

Nevra: Você se sente realmente humana.
-...Ykhar disse-me a mesma coisa.-

Nevra: Ela voltou?
-Sim, eu a vi entrar na floresta e...-

Nevra: Aposto que ela te trouxe até Miiko.
-Sim...(Ele ergueu os olhos para o céu.)-

Nevra: É engraçada, seu tipo.
-Para dizer a verdade realmente não sei. É de que raça ela?-

Nevra: É um brownie
-...Uh, mas é um bolo.-

Nevra: Um bolo? Mas não vejo...
-Bem em casa... Bom, desculpe, eu não sei o que é um brownie então.-

Nevra: No entanto, você já conheceu um.
-Quem?-

Nevra: Adivinhe
A- Kero!
B- Mery!
C- Jamon!

Se você escolheu a opção A =
? ? ?
Se você escolheu a opção B = correta

Nevra: Bem dito! E para mim, o que você diria?
-Eu realmente não sei...-

Nevra: Pfff....
-(Eu tenho medo de dizer qualquer coisa e ofende-lo, ou passar por uma idiota...)-

-É estranho. Ykhar e Mery não são iguais.-

Nevra: Existem várias subespécies de brownies.
-Ah ok...-

Nevra: Talvez você seja?
-Mas não, não é com todos. Eu sou hu-ma-na.-

Nevra: Eu não sei, eu não tive a oportunidade de conhece-la... mais detalhadamente.
-(Eu desviei o olhar sentindo minhas bochechas corarem.)-

Nevra: ...
-(Fechar a caixa de diálogo.)-

Se você escolheu a opção C =
? ? ?

        Miiko = Sala do Cristal

-(Ah, olha, aqui está Miiko e Jamon.)-

-(Eu vou vê-los.)-

Jamon: *Grrr*
-(... Vai ser em outro momento eu acho...)-

Mery 

Mery: Hey!!! [SeuNick] !
-Oh, olá!-

Mery: Entao, você deu-lhes o meu presente?
-Você quer dizer a peça do cristal?-

Mery: Sim!
-Sim, eu dei-lhes.-

Mery: E então, eles disseram o que?
-Eles ficaram surpresos e felizes... Também!-

Mery: Ah melhor
-E como é o seu familiar?-

Mery: Minha mãe o fez chocar, olha como é bonito!
-(Continuar.)-

-(Oh! Ele é tão bonito!)-

Mery: Apelidei-o de [NickPet]
-Realmente? A minha também se chama assim-

Mery: Eu sei <3 data-blogger-escaped-font="">
-(Uma mulher o chamou a pouco e ele fugiu, provavelmente era sua mãe. )-

-Eu ainda me pergunto, como ele sabia o nome do meu familiar?-
Ykhar = Biblioteca

Ykhar: Bem, você não está muito preocupada com o andamento de suas descobertas?
- Realmente não.-

Ykhar: Realmente?
-Bem, sim, eu sei que sou humana..-

Ykhar: Eu seria você, eu não falaria de Drafayel sem apontar o dedo para as pontas de suas asas!
-Hum ok... Se você diz.(Eu não entendi absolutamente nada do que ela disse.)-

Ykhar: Hum...
-(Ela olhou preocupada.)-

A-(Pergunte-lhe o que esta errado.)
B-(Não perguntar.)


Se você escolheu A =
? ? ?

Se você escolheu B =

-(Eu não sei muito... É melhor eu não ser tão curiosa.)Bem, bem... Até mais tarde!-

Ykhar: Espera [SeuNick]!
-Sim?-

Ykhar: E-Eu... Eu queria pedir desculpas a você por agora. Isso não deve ser muito agradável para fazer você atacar Alajéa e a mim sem motivo.
-Oh, isso não importa...-

Valkyon 

Valkyon: Então, Ezarel terminou o teste?
-Não... Ele me pediu para passear por enquanto.-

Valkyon: Ok. Você apreendeu?
-Não tanto. Eu sou um simples humano, afinal.-

Valkyon: É, verdade, eu não vejo de que raça você poderia ser.
-Há muitas criaturas diferentes aqui?-
Valkyon: Você não faz idéia...
-Eu imagino que há muitas fadas então.-

Valkyon: Sim, nós cruzamos ao longo do tempo...
A-      Eu gosto das fadas.
B-      O que aconteceu com elas?
C-      Eles são tão clichês quanto as descrições que eu ouvi em meu mundo?


Se você escolheu a opção A =

? ? ?
Se você escolheu a opção B =

Valkyon: Eu não sei, eles se tornaram cada vez mais raros desde que o cristal foi quebrado.
-É triste... Mas não era notícia deles, então?-

Valkyon: Não realmente...
-Oh...-

Valkyon: Você pode ser uma fada também?
-Ah ah, eu não penso assim!-
Valkyon: Veremos.
-(Fechar a caixa de diálogo.)-

Se você escolheu a opção C =
? ? ?

Kero = Biblioteca

-Kero, é você!-

Kero: O que você está fazendo?
-Oh, nada... Eu dou uma volta na dependência enquanto Ezarel conclui a preparação do teste.-

Kero: Ah... Você está preocupada?
-Não muito, não pode ele ser positivo!-

Kero: Ah ah, quem sabe?
-Realmente? Você acha?...-

Kero: Em qualquer caso, não se preocupe... Sendo você humana ou do país das fadas, você permanece a mesma depois de tudo.
-Eu acho que... Obrigada!-

Kero: Eu só espero que Ezarel pare de brincar com você. Finalmente, se isso continuar, ele vai ver do que sou feito!
A-      Você realmente ousa dizer alguma coisa?
B-  Aha, eu vejo você enfrentá-lo mal.


Se você escolheu a opção A =
Kero: Bem... Uh... Eu... E....
-(Continuação.)-

Kero: Você deve ir e ver se o teste já está pronto!
-Haha, eu vou dar uma olhada.-

Se você escolheu a opção B =
? ? ?

Alajéa 

Alajéa: Hey! O que você está fazendo por aqui?
-Eu estou esperando o teste ficar pronto.-

Alajéa: Ah okay! Na verdade, em qual guarda você está?
-Na Guarda [SuaGurda]. E você?-

Se você for da Guarda Absynthe:

Alajéa: Estou na Guarda Absynthe!
-Como eu!-

Se você for da Guarda Ombre:

Alajéa: Estou na Guarda Absynthe!
-Ah...(Bem, boa sorte com Ezarel!)-

Continua aqui independente das guardas

Alajéa: Você vai ver, as guardas são como uma segunda família!
-(É verdade que ela parecia se dar bem com todo mundo.)-

-Eu realmente não permanecerei nela...-

Alajéa: Ah? Mas por que?
-Devo voltar para minha família.-

Alajéa: Oh, eu compreendo.
-Eu tenho responsabilidades para com meu mundo.-

Alajéa: Você terá o suficiente aqui também.
-Sim, mas... Minha casa não é aqui.-

Alajéa: Talvez por isso.
-(Fechar a caixa de diálogo.)-

-Então? Você terminou?-

Ezarel: Sim, eu terminei.
-O que eu devo fazer? Quero dizer, como eu passo no teste? Uma gota de sangue? Assopro algo?-

Ezarel: Nada muito especial. Além disso, chame Miiko.
-Porque?-

Ezarel: Eu prefiro que ela esteja lá para ver que você é muito humana.
-Pelo menos estamos de acordo sobre este ponto.-

-(Eu fui procurar Miiko, está certamente no hall do cristal.)-

Miiko: O que foi?
-Ezarel vai fazer o teste comigo, ele quer que você esteja presente para ver o resultado.-

Miiko: Ah bem....
-(Miiko deixou seu cajado com Jamon e me acompanhou até o laboratório.)-
-(Quando eu cheguei La, Valkyon e Nevra já estavam lá.)-

-Agora que todo mundo está aqui, posso provar que sou humana!-

Ezarel: Como se houvesse algo a provar... É humana.
-(Mais uma vez, estamos absolutamente de acordo.)-

Miiko: Ezarel... Pare.
-Bom então, o que eu faço agora?-

Ezarel: Me dê sua mão. Vou aplicar esta mistura sobre ela, se não houver reação, você não é do país das fadas. Mas como você é humana, ele não vai fazer nada.
-Eu terei problemas?-

Ezarel: Eu não penso que sim. Mas eu não
-(Ele imediatamente aplicou seu “produto” na palma de minha mão. Eu não senti nada...)-

-Depois de quanto tempo temos o resultado?-

Valkyon: É instantâneo não?
-(Continuação)-

Nevra: Normalmente sim.
-Você fez muitas vezes esse “teste”?-

Nevra: Nós já recebemos alguns seres humanos no passado.
-E qual foi a reação?-

Ezarel: Nada muito extraordinário
-Ok...-

Ezarel: Pfff... De qualquer maneira você já teria visto se você não fosse um ser humano
-Então, eu sou humana?-

Ezarel: Absolutamente.
-...(Ele se virou para Miiko.)-

Ezarel: Portanto, minha cara amiga, como pode ver, esta menina é perfeitamente humana.
-(Continuação)-

Miiko: ...
-(Continuação)-

Ezarel: Como eu disse desde o início, não há sangue do país das fadas nela.
-(Continuação)-

Miiko: Ez...
-(Continuação)-

Ezarel: Mais uma vez, eu estava rai....
-... Q-Que... O que...-

{Minha mão estava queimando... Literalmente. A chama de um verde muito brilhante foi propagada na palma da minha mão e foi  consumida lentamente, com o produto desaparecendo.}
-(Continuação)-

{Eu gritei por reflexo, eu estava apavorada com o que estava acontecendo comigo.}
-(Continuação)-
Valkyon: [SeuNick], sente-se melhor?
-Sim, eu acho...-

Nevra: Está doendo?
-Não... Nem um pouco. Eu...(Eu chorei tanto... Eu me senti ridícula.)-

Ezarel: Eu não posso acreditar...
-(Continuação)-

Miiko: Então o que? Você já tinha dito? Você estava certo? Não era uma fada?
-(Continuação)-

Ezarel: ...
-Espera, o que significa isso?-

-(Todos olharam para mim... Com o ar mais sério do mundo)-


Valkyon: Você tem de fato sangue do país das fadas em você.
-Haha... Mas não mesmo-

Valkyon: O teste é oficial, a chama apareceu e quer dizer que você possui sangue do país das fadas.
-Não, isto está errado. Isto não é possível. Eu me recuso.-

{Como eu poderia ser um dos "seus". Eu sempre tinha vivido em meu mundo e eu era uma pessoa das mais mundana. Tinha que haver um engano, é claro.}
-(Continuação)-

{Depois que me explicaram que nenhum erro não era possível, que o que eu tinha vivido foi uma "reação química", devido à maana no meu corpo eu pedi a todos... Para  compreender o que eu era. Eu decidi tomar ar nos jardins.}
-(Fechar caixa de diálogo)-

Mery: Oh! [SeuNick], você não está bem?
-Hmm... Não, realmente não.-

Mery: Realmente? Por que? Você perdeu seu familiar?
-Ah ah... Não, ele está bem, não seu preocupe, eu acabei de ouvir más notícias.-

Mery: Qual?
-Eu não sou humana... Bem, não realmente. Eu também sou uma fada.-
Mery: Você é como eu então! Isso é ótimo!
-Realmente?-

Mery: Yeah! Isso significa que você pode ficar aqui para sempre!
-...(Como explicar esse fato, eu não quero ficar aqui?)-

-Diga Mery, [NickPet], não está com você?-

Mery: Não, eu não sei onde ele está...
-Não me diga que você o perdeu novamente!-

Mery: LOL!!! Ele está com minha mãe, que saiu para um passeio, mas eu vi uma borboleta em uma flor...
-Você estão é quem está perdido em sua volta?-

Mery: Sim!
-Você quer que eu te ajude a encontrá-la?-

Mery: Eu quero.
-(Continuação)-
 *Dependendo de como você foi com as meninas no primeiro diálogo de múltipla escolha, varia entre o Kero ou a Ykhar ir te buscar*

Se você se intrometeu

Kero: Ah! Aí está você!
-Você procurava por mim?-

Kero: Sim, eu vi você sair do quarto, isso me fez pensar em pequeno problema.
-Oh... Desculpa. Eu me senti muito mal.-
Kero: Normal, não é todo dia que descobrimos que não somos o que achávamos ser.
-Yeah...-
Kero: O que você pretende fazer?
-Mery perdeu sua mãe, eu estava indo ajudá-lo a encontrá-la.-

Kero: Hmm... É melhor você voltar. Miiko tem muitas coisas para lhe dizer.
-Eu imagino...-

Kero: Você é capaz de sentir?
-Será que eu tenho escolha?-

Kero: Não realmente... Eu vou levar Mery por você.
-Se Mery concordar, eu vou.-

-(Kero virou-se para Mery que seguiu sem hesitação.)-

 Se você escolheu não se intrometer

Ykhar: Eu finalmente encontrei você!
-Você está sem fôlego.-

Ykhar: É claro que sou eu! Eu tive que correr para pegar você... Eu tenho perninhas pequenas.
-Eu sou menor do que você...-
Ykhar: Hmm isso não é verdade. Por fim, como você se sente?
-Eu não sei... Eu estou um pouco...-
Ykhar: Surpreendida? Desorientada? Confusa? Perplexa? Perdida?
-Você vai me falar todos os sinônimos?-

Ykhar: Desculpa... Mas você parecia tão... Angustiada, com a notícia, e só agora eu estou tentando entender você.
-Obrigada, isso é bom.-

Ykhar: Isto é normal.
-Você me desculpe, mas eu tenho que acompanhar Mery até sua mãe.-

Ykhar: Ela o perdeu de novo? Eles fazem um bom par esses dois.
-Isso acontece muitas vezes?-

Ykhar: Sim, ela é uma cabeça oca! Mas não se preocupe com esse assunto, eu vou lidar com isso. Quanto a você, você deve voltar a Miiko.
-Porque?-

Ykhar: Agora que sabemos que você é parte do nosso mundo em seu próprio caminho, ela terá muitas coisas para lhe dizer...
-Que tipo de coisa?-

Ykhar: Não é meu papel de explicar isso a você...
-Entendo... Se Mery concordar, vou se você escoltá-lo-

-(Com o acordo do pequeno Ykhar está trazendo a festa para sua mãe.)-

Continua aqui independente de quem te buscar

{Eu tive que voltar para Miiko me dizer sobre .... Mim? Comecei a me fazer perguntas sobre o que eu era, na verdade. As razões para a minha chegada a este mundo, este país das fadas, o "sucesso" do teste para mim teve um gosto de fracasso.}
-(Continuação)-

{Enquanto eu estava chegando na entrada com muitas portas, eu hesitei por um momento antes de cruzar novamente a porta do laboratório de Alquimia.}
-(Continuação)-

A- (Dirigir-se diretamente para sala de Alquimia.)
B-      (Dar meia volta)
C-      (Esperar um pouco mais)

Se você escolheu a opção A =

-(Na hora em que fui entrar no quarto, Ezarel abiu a porta. Ele não quis me deixar passar.)-

Ezarel: Ah, ela estava esperando por você.
-Eu sei, me avisaram que Miiko me procurava...-

Ezarel: Eu ainda estou surpreso.
-O que?-

Ezarel: Que você é uma de nós!
-Ah, eu também... Eu realmente não sei o que pensar.-

Ezarel: Eu posso entender, você não tem a presença absoluta.
-(Eu o achei mais simpático de repente...)-

Ezarel: Bem, então, você vem?
-(Continuação)-

Se você escolheu a opção B =

Nevra: Estávamos esperando você.
-Ah! Você me assustou.-

Nevra: Medo? Isso é tudo?
-Eu não esperava encontrar você atrás de mim.-

Nevra: Eu estou sempre onde você menos espera.
-Eu vejo que...-

Nevra: Vamos lá, já está na hora!
-(Ele colocou uma mão na parte inferior das minhas costas e me empurrou para frente.)-

Se você escolheu a opção C =

Valkyon: Você sabe que Miiko está esperando por você?
-Hum... Sim.-

Valkyon: ...
-Você veio me buscar? Obrigada eu vou...-

Continua aqui independente das escolhas.

-(Miiko estava lá, ela estava olhando para mim com um olhar severo)-

-Desculpe, eu precisava de um pouco de ar.-

Miiko: Eu entendo.
-Oh?-

Miiko: Estamos todos surpresos  que você seja do país das fadas... Então eu imaginei que você também estaria.
-...-

Miiko: E aí?
-Você nunca vai acreditar em mim... Mas eu ainda encontrei outro pedaço do cristal!-

Todos: O QUE?!
-(Peguei a peça e mostrei-lhes). Eu peguei no oco de uma árvore.-

Ezarel: E como você sabe que foi ele?
-É um pouco complicado... Eu...-

Leiftan: Vai explicar isso para nós quando você se sentir capaz de faze-lo. Nós temos coisas mais importantes para ver.
-(Eu nem sequer o vi entrando no quarto!)-

Leiftan: Miiko, eu ouvi que a menina tem sangue do país das fadas nela.
-(Continuação.)-

Miiko: Quem te disse?
-(Continuação)-

Leiftan: As notícias correm rápido por aqui...
-(Continuação)-

Miiko: Ykhar... Ela não pode segurar uma fofoca.
-(Continuação)-

Miiko: Mas sim, parece que [SeuNick] não é muito humana. Eu não entendo... Exceto pela determinada cor dos seus olhos, ela é bastante banal. Eu realmente me pergunto que tipo de “Faelienne” pode ser. E esta facilidade de encontrar peças de cristal.
-(Continuação)-

Ezarel: É bom, não tem encontrado como AC também.
-(Continuação)-

Miiko: Duas horas. É tanto ver que toda guarda em poucas semanas!
-Espere um minuto, como é que você não sabe que tipo de failenne eu sou! E o que é uma failenne!-

Miiko: Um faelien ou failenne é um híbrido. É um meio-humano ou meio-fada.
-Ok... Eu vejo. Mas atravéz do meu sangue, não é possível determinar qual criatura eu sou... Pra fora?-

Miiko: Não... Não há sinais físicos ou habilidade especial, por isso que é muito difícil determinar a sua “raça”. E, além disso, você está quase inteiramente humana e você ter vivido somente como humana complica a tarefa.
-(Continuação)-

Leiftan: Não sabemos a raça do Valkyon por exemplo.
-É verdade! Então você é um faelien também?-

Valkyon: Sim. Eu sou. Mas tenho vivido aqui toda a minha vida, eu sou humano do país das fadas.
-(É completamente impensável isso.)-

Miiko: Você é adotada? -Não, meus pais são os meus verdadeiros pais... Eu acho.-

Miiko: Talvez eles tenham sido?
-Ah ah... Eu não, acho que não. Eu mesmo, ao se olhar as características parecem os traços dos meus bisavós.-

Miiko: Então você tem que ter uma fada ancestral muito distante. Isso não vai nos ajudar a determinar quem você é.
-Ah? Você pensa em como isso pode levar algum tempo para se encontrar isso?-

Ezarel: Se houver...
-(Continuação)-

Miiko: Falaremos mais tarde se você quiser...
-(Eu balancei a cabeça. Eu precisava descontar a massa de informações... Ou não informações que eu tinha acabado d ouvir.)-

Miiko: É claro que, como resultados de todos esses acontecimentos, é claro que não podemos deixá-la ir.
-O QUE?!-

{Sem sequer prestar atenção em mim, Miiko e outros fizeram um círculo. Eu me senti impotente enfrentando esta situação. Enquanto eu tinha apenas um desejo: ir para casa ... Eles, eles me forçaram quase definitivamente a me integrar ao seu mundo.}
-(Continuação)-

{Depois de uma breve volta durante o qual Ezarel para mais uma vez tentar expor minha "inutilidade", eles decidiram que eu deveria ficar no Eel Guarde. Eu me dei a idéia de viver entre eles, eu estava indo para a pretensão de integrar-me e dizer que estava tudo bem.}
-(Continuação)-

{Mas eu mantive o objetivo de ir para casa, custe o que custar. Seja qual for o meio, eu seria capaz de voltar para o meu mundo.}
-(Continuação)-


Miiko: Por que ela terá de ficar aqui, seria cortes dar-lhe um quarto.
-Não é porque você já tinha planejado me dar um?-

Miiko: Temos celas se quiser.
-Não, obrigado.-

-(Ela chamou Jamon e pediu-lhe para me acompanhar até minha “nova casa”.)-

Ezarel: É isso ai, você está entregue?
-Sim... Pode-se dizer isso.-

Ezarel: Se você quer minha opinião, poderia ter acontecido sem os caprichos.
A-      Capricho? Você realmente acha que eu fiz um capricho?
B- ...
C-... Desculpe.

Se você escolheu a opção A =
? ? ?
Se você escolheu a opção B =
Ezarel: Você não diz nada?
- Qualquer coisa que eu disse, você vai encontrar uma maneira de jogar contra mim.-

Ezarel: Se você deixar-se faze-lo desta forma, você não vai durar muito tempo por aqui, na minha opinião. Finalmente, eu a deixarei sozinha... Por enquanto.
-(Ele não disse mais nada, e se foi... Devo tomar isso como um sinal de paz?)-

Se você escolheu a opção C =
? ? ?

Continua aqui independente das escolhas.

-Então, você pode me levar ao lugar do meu “quarto”?-

Jamon: Em linha reta. Porta de rosas sem decoração.
-Ok...-

-(Quando eu cheguei no quarto, eu estava completamente em choque.)-

-Não, eu estou sonhando, me diga que isso é uma piada.-

Jamon: Não é brincadeira, quarto padrão para os novos
-... Ri muito.-

-Não, mas eu não consigo dormir lá. Não há nem mesmo um colchão!!!-

Jamon: Se você trabalhar duro, você cansada dorme sem colchões.
-...-

-(Eu não posso acreditar... O que é este quarto?)-

-(Eu deveria ter ficado na prisão junto a favela.)-

FIM DO EPISÓDIO

4 comentários:

AS REGRAS GERAIS

1. LEIA TUDO antes de comentar alguma coisa. Tentamos colocar o máximo de informações possíveis, então apenas comente se a sua dúvida não estiver na postagem ou se você não entendeu x coisa.
2. O respeito mútuo é importante, não é permitido ofensas e brigas de qualquer tipo, seja para os dois lados (leitores e administradores).
3. É proibido spam, flood, links maldosos e outras besteiras que não são agradáveis.
4. Sempre aceitamos sugestões para futuras postagens, seja um tutorial, ajuda ou até curiosidade.
5. Se os seus créditos não estão aqui ou em qualquer outra parte do blog, nos avise imediatamente com educação porque não fazemos isso de propósito.
6. Não hesite em perguntar se tiver dúvidas. Estamos aqui para ajudar!
7. Não se esqueçam que todos aqui somos uma família, portanto, não só as postadoras ajudam vocês, mas seus colegas leitores também!
POR FAVOR, PARA AJUDARMOS NÃO MANDE A MESMA MENSAGEM MAIS DE UMA VEZ.

Use esses kaomojis para expressar algum sentimento:
=((•̪●))= ๑(•ิ.•ั)๑ ٩(●̮̮̃•̃)۶ ε(●̮̮̃•̃)з ٩(×̯×)۶̿ ┌∩┐(◣_◢)┌∩┐ ⊙▂⊙ ⊙0⊙ ⊙︿⊙ ⊙ω⊙ ⊙▽⊙ ⊙﹏⊙ ⊙△⊙ ◑▽◐ ◑ω◐ ◑﹏◐ ●︿● ●ω● ●﹏● ≧▂≦ ≧︿≦ ≧ω≦ ≧﹏≦ ≧▽≦ >︿< >ω< >﹏< >▽< ≡(▔﹏▔)≡ (¯▽¯;) <(“”"O”"”)> (-__-)b (;°○° ) \( ̄︶ ̄)> <( ̄︶ ̄)/ (/≧▽≦/) \(≧3≦)/ \(≧ω≦)/ o(≧ω≦)o o(≧o≦)o ㄟ(≧◇≦)ㄏ ╮(╯▽╰)╭ ╮( ̄▽ ̄)╭ (~o ̄▽ ̄)~o ~ 。。。(~ ̄▽ ̄)~[] (╯-╰)/ (*^3^) 'U_U ♪ ♥ ஐ ▲☼゚ ♣ (๏̯͡๏) †